PL Mulher SP

PL é campeão numérico na eleição de mulheres 

O Partido Liberal, presidido por Valdemar Costa Neto, conquistou uma maior representatividade feminina nas eleições do último domingo, 2, com 17 deputadas federais e 18 estaduais eleitas para a próxima legislatura. 

As candidatas eleitas pelo Partido integram a lista das mais votadas em oito estados e no Distrito Federal. Das 91 mulheres que vão compor a bancada feminina na Câmara dos Deputados a partir de 2023, 17 são do Partido Liberal, 8 a mais do que no último pleito, em 2018. 

A atual deputada Carla Zambelli (PL-SP) foi a mulher mais votada para uma vaga na Câmara, com 946.244 votos, número 12 vezes superior aos 76.306 votos que havia recebido em 2018. No DF, a deputada Bia Kicis (PL-DF), recebeu o maior número de votos entre os candidatos, reelegendo-se para a Câmara, com 214.733. Já a deputada Caroline de Toni (PL-SC), foi reeleita com a maior votação em Santa Catarina, com 227.632 votos. A liberal é a mulher mais votada da história no estado, e também com a maior votação percentual no geral, com 5,72%. A candidata Detinha, do PL do Maranhão, foi a mais votada no Estado, com 161 mil votos. 

Além dessas, vão compor a bancada feminina na Câmara as deputadas: Silvia Waiãpi (AP), Sonize Barbosa (AP), Roberta Roma (BA), Magda Mofatto (GO), Amália Barros (MT), Coronel Fernanda (MT), Rosângela Reis (MG), Soraya Santos (RJ), Chris Tonietto (RJ), Silvia Cristina (RO), Julia Zanatta (SC), Daniela Reinehr (SC) e Rosana Valle (SP). 

Nas Assembleias Legislativas, o número de mulheres eleitas em 2022 pelo PL também cresceu. A sigla foi a segunda que mais elegeu deputadas estaduais, mais que o dobro das eleitas em 2018, quando elegeu 5 deputadas. 

A sigla elegeu deputadas em 10 estados: Amazonas (1), Ceará (2), Maranhão (2), Minas Gerais (2), Rio de Janeiro (3), Rio Grande do Norte (1), Rio Grande do Sul (1), Santa Catarina (1), São Paulo (4) e Tocantins (1). 

Deputadas estaduais eleitas 

Debora Menezes (AM) 

Marta Gonçalves (CE) 

Dra Silvana (CE) 

Fabiana Vilar (MA) 

Solange Almeida (MA) 

Alê Portela (MG) 

Delegada Sheila (MG) 

Giselle Monteiro (RJ) 

Índia Armelau (RJ) 

Célia Jordão (RJ) 

Terezinha Maia (RN) 

Kelly Moraes (RS) 

Ana Campagnolo (SC) 

Valeria Bolsonaro (SP) 

Dani Alonso (SP) 

Delegada Graciela (SP) 

Fabiana B. (SP) 

Professora Janad Valcari (TO) 

Fonte: Site do PL Mulher Nacional – http://plmulher.org.br/Noticias_pl_mulher_2022/noticias_pl_mulher_0337.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *